RPGBrasil.Org
Se Você não é Membro, Cadastra-se Agora é rapido e fácil.
Venha Participar do Melhor Forum de RPG voltado a um Cenário.
Últimos assuntos
» Atualizações do sistema e genérico.
Ontem à(s) 6:29 pm por Kenku

» O GPR (O Guia da Prática Rebelde)
Seg Jun 11, 2018 6:09 pm por draculino

» LOGOSOFIA
Seg Jun 11, 2018 5:44 pm por draculino

» Malkavianos - Vampiro A máscara - o que são e o que fazem?
Dom Jun 10, 2018 10:26 pm por draculino

» Assassin´s Creed: o verdadeiro e o falso sobre assassinos, templários, etc.
Qui Jun 07, 2018 10:55 pm por draculino

» Multiverso DC : Terras Paralelas?
Ter Jun 05, 2018 11:23 pm por draculino

» Zé do Caixão: Um gótico brasileiro?
Ter Jun 05, 2018 11:11 pm por draculino

» O aventureiro: narcisismo ou mau caratismo?
Ter Jun 05, 2018 10:56 pm por draculino

» Stormbringer
Ter Maio 29, 2018 2:49 pm por druidadp

» MORTE NEGRA - NAVIO PIRATA
Dom Maio 27, 2018 9:18 pm por druidadp

» 07 - Nas Estrelas
Ter Mar 20, 2018 7:12 pm por draculino

» PRINCIPES ARAMIS e ATEMIS THULARILL [VOTAÇÃO]
Seg Mar 12, 2018 3:07 pm por druidadp

» EXTRA: O Círculo de Elendil (VOTAÇÃO)
Dom Mar 11, 2018 7:08 pm por Fininho

Os membros mais ativos da semana
druidadp
 
Kenku
 

Os membros mais ativos do mês
draculino
 
druidadp
 
Kenku
 

Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 162 em Sab Fev 26, 2011 7:45 am
Conectar-se

Esqueci minha senha

Visitas
Flag Counter

REVISÃO - LOCAIS CONHECIDOS

Ir em baixo

REVISÃO - LOCAIS CONHECIDOS

Mensagem por Aeon em Qua Abr 07, 2010 11:20 pm

LOCAIS CONHEIDOS

Meta Velha

Muito antes dos homens chegarem em ERA, a floresta de Niteril, Negra e Magalay eram uma única e gigantesca floresta que se estendia até o oeste onde hoje encontra-se o reino de Belthor.
Porém com a chegada dos homens e seu crescente desejo por progresso, as florestas e suas criaturas foram caçadas e devastadas. A floresta que se estendia sobre Belthor foi rapidamente consumida para tornar-se lenha e casa para os novos habitantes de ERA.
Porém alguns pequenos resquícios dessas florestas sobreviveram e um deles foi a Floresta Velha.
Hoje uma grande extensão de terra coberta por árvores ao sul de Rocha anã.
As estradas da cidade até Mitrus, Menis e Querenil passam por esta floresta com suas árvores frondosas, antigas e quase sufocantes. Porém, apesar das árvores tornarem o longo trajeto úmido e sombrio, ali não existe grandes perigos aos viajantes que permaneçam na estrada.
Alguns salteadores costumam residir na floresta para assaltar mercadores que utilizam a estrada. Mas isso também é esporádico, já que não é nada seguro residir na floresta. Afinal a segurança deixa de existir quando você deixa a estrada.
A floresta é muito pouco explorada. Sua fauna e flora são desconhecidas, diversas criaturas residem em sua grande extensão e há relatos de viajantes que já viram inclusive licantropos inteligentes vivendo em seu interior. Mas tudo não passa de relatos e nada realmente foi comprovado.
Porém a mata velha permanece em seu silêncio sombrio como um reflexo de uma época onde a grande floresta dominava toda ERA.


Covil da Serpente


Esta é uma rota temida por todos os navegantes. Quase todos evitam descer além da ilha do barco, preferindo uma viagem por terra até um porto mais ao sul e então continuar por mar. Isso encarece muito o comércio de especiarias entre o norte e o sul.
Não se sabe ao certo o que existe naquelas águas, mas grande parte das frotas que se arriscam por aquela área simplesmente desaparece.
Isso não ocorre com todos os navios, porém com aqueles que ocorrem não resta sobreviventes pra relatar o que viram.
Há um único relato dos tripulantes de uma pequena embarcação que pertencia a uma frota inteira de navios e que conseguiu escapar de um suposto ataque de um dragão marinho. Os tripulantes dizem ter visto uma gigantes cobra escura sobre as águas na forma de uma serpente e os navios afundarem ou se despedaçarem como gravetos.
Com base nestes relatos acredita-se na existência de uma gigantesca serpente marinha que habita as profundezas daquele oceano.
Alguns outros marinheiros, dizem que as águas naquela região são revoltas e em algumas épocas do ano verdadeiros sumidouros aparecem em meio ao mar tragando para as profundezas qualquer embarcação que esteja em seu caminho.
Porém a primeira teoria é mais aceita e são poucos os navios que se arriscam por aquela rota.


Ruinas de Vagnar

No início da expansão as ruínas serviam como fortaleza para as tropas expansionistas, ali os viajantes recebiam comida e refugio até seguirem viajem novamente em direção ao norte.
Mas foi na época da Guerra contra Keronã que a fortaleza foi esquecida e abandonada. Como a demanda de soldados era alta, a fortaleza foi esvaziada, ficando apenas cinco soldados no local e seus famíliares.
Mas havia um problema, a mulher com quem Baster, o capitão do local, se casou era a paixão da vida do soldado Kilor.
Kilor, era o único soldado que não tinha família no local e o tempo de isolamento começou a deixá-lo louco. Diziam que o viam falando sozinho e muitas vezes, ficava parado durante longas horas por dia na muralha, como se vigiasse a chegada de alguém.
Em uma noite chuvosa Baster decidiu dormir mais cedo e deixou os colegas bebendo e conversando na pequena cozinha onde se reunião sempre e que Kilor jamais participava.
Saindo na chuva para atravessar o pátio da fortaleza até seu quarto, ele olhou para a muralha onde viu um vulto parado sobre a mesma. Ele sabia que o vulto o observava e também sabia a quem pertencia aquele vulto. Seu sangue gelou, mas ele desviou o olhar e correu para seu quarto. Sua mulher percebendo sua apreensão perguntou o que havia ocorrido, mas ele não respondeu, apenas fechou a porta do quarto e pediu para ela se deitar.
Na mesma noite o jovem Kilor entrou no local onde os soldados bebiam e aproveitando-se do estado em que se encontravam os assassinou friamente.
Depois seguiu até o quarto de Baster e tentou arrombar a porta. Baster correu e se armou imaginando quem seria, seu extinto de capitão e de longos anos de combate, diziam para ele que havia algo errado naquela noite.
Quando Kilor arrombou a porta Baster desferiu um golpe que atravessou sua barriga e Kilor morreu ali mesmo. Após esse ocorrido, as viúvas e o próprio Blaster abandonaram o local que caiu em decadência e hoje se tornou um lugar temido.
Alguns dizem que assaltantes góblins residem no local, outros dizem que o espírito de Kilor vaga pelo local assassinando os viajantes que ali atravessam. A única verdade sobre Vagnar é que é realmente um local perigoso e temido por todos.


Colinas de Kelendar

As colinas de Kelendar são uma cadeia montanhosa nas fronteiras leste de Belthor com Keronã. Pouco explorada, esta cadeia de montanhas contem áreas jamais visitadas por humanos.
Suas montanhas altas são repletas de erosões e fendas que tornam este um lugar cheio de armadilhas para viajantes.
Dizem que no interior das colinas vive uma população de humanóides alados, porém nada foi comprovado a não ser esqueletos destas criaturas, encontradas por viajantes.
Se elas realmente existem, são sobreviventes da caçada humana contra tais criaturas na época da expansão.
Além disso, existem verdadeiras matas densas no interior desta imensa cadeia de montanhas que chega a ter quase 200 km de extensão e 50 km de largura na sua parte mais larga.
Em seu interior virgem existem verdadeiros paraísos naturais com uma fauna rica em pássaros e pequenos animais que residem neste mundo intocado.
Acredita-se que exista uma facção de magos das escolas da terra, que viviam isolados em seu interior, vivendo de forma quase selvagens em meio à natureza que os cerca. Mas isso são apenas especulações e nada nunca foi comprovado.
É provável, mas nada confirmado, que exista um conclave de Druidas Selvagens vivendo nas florestas intocadas do interior das colinas. São alguns poucos homens que renegaram a vida "civilizada" para viver em total harmonia com a natureza a sua volta.
Acredita-se em sua existência, pois há relatos de viajantes que avistaram homens com aparência druídica (barba longa e roubas de pele) nas proximidades da colina.
Estas são as colinas de Kelendar. Se algum dia deseja passar por elas, saiba que os riscos de não sair de lá com vida são altíssimos.


A Ilha Morta

Muito antes dos humanos colocarem os pés em ERA, esta ilha era considerada um paraíso, com uma floresta exuberante que ia de um extremo ao outro da ilha onde viviam tribos de centauros e membros da raça dos Leoninos.
Por volta do ano 100 os primeiros humanos magos isolaram-se na ilha para estudar as propriedades da Mana fluente daquela terra. Até que no ano 545 a primeira ordem de magos foi criada na ilha e os problemas começaram.
Segundo as lendas, no ano de 612 estes magos decidiram construir um artefato, mas acredita-se que este artefato não foi construído, e sim encontrado e apenas alguns sabiam do seu imenso poder e decidiram mantê-lo em segredo escondido atrás de mentiras.
A ilha começava a ser explorada, cidades iniciavam-se, as raças que ali viviam começaram a ser caçadas e a floresta dizimada.
Porém a grande destruição da ilha ocorreu por volta do ano 900, quando um mago conhecido como Myster descobriu as propriedades do artefato e decidiu usá-lo desenfreadamente.
Através de sacrifícios com seus próprios aliados, Myster libertou um poder sem igual.
Dizem que a mana de toda a ilha foi tragada e absorvida por Myster e durante 20 dias. A ilha tremeu as árvores que restavam secaram, os gados e as criações da população simplesmente definharam-se até a morte, as crianças com menos de dois anos morreram, as plantações secaram e até mesmo os peixes dos rios desapareceram, além disso, todos os itens mágicos da ilha perderam seu poder e as criaturas mágicas simplesmente morreram.
Este período ficou conhecido como A Morte Sobre a Ilha, que gerou o nome em seguida de Ilha Morta.
Grande parte da população abandonou os vilarejos e as cidades em crescimento, porém enquanto a ilha era evacuada, uma grande cidade surgia em meio ao caos, criada com a magia da mana tragada da própria ilha e seu fundador era Myster o causador de todo este caos.
Hoje após 1.000 anos do cataclismo mágico a ilha já se encontra em um estado avançado de recuperação, porém ao contrário do que alguns magos esperavam, o retorno da mana tem sido mais caótico que seu desaparecimento.
Várias áreas da ilha são afetadas por magia selvagem. Áreas onde uma simples magia de cura pode colocar a vida de todos a sua volta em risco.
Além disso, num raio de 2 km da cidade de Mystc qualquer criatura mágica sofrerá dano e itens mágicos, podem simplesmente desaparecer, mas a própria cidade é protegida contra este efeito caótico.
Atualmente o artefato encontra-se em estado de hibernação escondido em algum lugar dentro da cidade de Mystc e se for desperto pode causar uma destruição muito maior do que a primeira e quem sabe afetar toda ERA.
Apesar da aparente recuperação da mana, a ilha ainda encontra-se em um estado quase desértico. Os rios são apenas filetes de água e em algumas épocas do ano chegam a secar, não há árvores na ilha, apenas vegetação rasteiras e arbustos pequenos, e em locais de mana selvagem o mundo material pode encontrar-se com outros mundos espirituais e coisas vindas desses mundos passam a caminhar livremente sobre o mundo material enquanto esse lapso durar.
Por isso a Ilha Morta é quase inabitada, são poucas as cidades existentes ali. Existem também algumas tribos antigas de Leoninos espalhados pela ilha e de centauros selvagens. Mas eles são vistos apenas quando desejam ser vistos, afinal a ilha é uma imensidão desértica.



As áreas marcadas em vermelho são áreas onde a mana é baixa ou quase nula. É praticamente impossível soltar magias nessas áreas e os itens mágicos não funcionam.

Áreas em branco são áreas de magia selvagem. Áreas onde existe uma turbulência de mana, uma simples magia de cura pode causar um estrago nestas áreas. Estas áreas muitas vezes surgem e desaparecem em vários locais da ilha. As áreas circuladas são as áreas atualmente conhecidas.
Nestas áreas é possível encontrar demônios e espectros vagando entre os mundos.
As áreas amarelas são áreas de mana alta. São áreas também perigosas se você não sabe manipular bem a magia, porém se é um mago experiente, conseguirá realizar magias mais poderosas com um dispêndio menor de energia. O que torna Kenedar uma cidade tão importante em termos de criação de itens mágicos.


Última edição por Aeon em Sab Abr 10, 2010 12:55 pm, editado 6 vez(es)
avatar
Aeon
Vice Rei

Vice Rei

Masculino
Número de Mensagens : 1334
Idade : 31
Localização : Varginha-MG
Humor : ...
Desde quando você joga RPG? : 99~2000
Reputação : -1
Pontos : 4972
Data de inscrição : 05/01/2009

http://www.rpgbrasil.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: REVISÃO - LOCAIS CONHECIDOS

Mensagem por druidadp em Qui Abr 08, 2010 8:12 am

Ae Aeon.... fim do projeto?
avatar
druidadp
Administrador

Administrador

Masculino
Número de Mensagens : 18763
Idade : 38
Localização : Varginha - MG
Desde quando você joga RPG? : 1993
Reputação : 101
Pontos : 26431
Data de inscrição : 18/09/2008

http://www.rpgbrasil.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: REVISÃO - LOCAIS CONHECIDOS

Mensagem por Fininho em Qui Abr 08, 2010 12:50 pm

Verificar alguns que estão com o Selo de "Em Curso" pra saber se já está ou não finalizado.

Valeu...
avatar
Fininho
Administrador

Administrador

Masculino
Número de Mensagens : 6331
Idade : 35
Localização : Varginha/MG - Vilarejo de Camponeses do Bom Pastor
Humor : Palhaço.
Desde quando você joga RPG? : Ahh um Tempo Bom ai !!
Reputação : 25
Pontos : 10327
Data de inscrição : 23/09/2008

http://www.rpgbrasil.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: REVISÃO - LOCAIS CONHECIDOS

Mensagem por druidadp em Qui Abr 08, 2010 3:41 pm

Finho... tem 2 em Curso que tem de alterar a Heráldica... o nome foi mudado.
avatar
druidadp
Administrador

Administrador

Masculino
Número de Mensagens : 18763
Idade : 38
Localização : Varginha - MG
Desde quando você joga RPG? : 1993
Reputação : 101
Pontos : 26431
Data de inscrição : 18/09/2008

http://www.rpgbrasil.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: REVISÃO - LOCAIS CONHECIDOS

Mensagem por Fininho em Qui Abr 08, 2010 6:23 pm

A sim.. valeu... não havia percebido.
avatar
Fininho
Administrador

Administrador

Masculino
Número de Mensagens : 6331
Idade : 35
Localização : Varginha/MG - Vilarejo de Camponeses do Bom Pastor
Humor : Palhaço.
Desde quando você joga RPG? : Ahh um Tempo Bom ai !!
Reputação : 25
Pontos : 10327
Data de inscrição : 23/09/2008

http://www.rpgbrasil.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: REVISÃO - LOCAIS CONHECIDOS

Mensagem por Aeon em Qui Abr 08, 2010 6:32 pm

druidadp escreveu:Ae Aeon.... fim do projeto?

Me agradaria muito se fosse,. rsrsrs mais ainda falta um trecho ai da ilha morta, e tbm imagens para os locais, agora estou corrigindo umas cidades que apareceu faltando material.

depois vou enviar pra v~cs por email, minha tabela da população ai vcs avaliam se é ou não interessante usar-la no material.
avatar
Aeon
Vice Rei

Vice Rei

Masculino
Número de Mensagens : 1334
Idade : 31
Localização : Varginha-MG
Humor : ...
Desde quando você joga RPG? : 99~2000
Reputação : -1
Pontos : 4972
Data de inscrição : 05/01/2009

http://www.rpgbrasil.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: REVISÃO - LOCAIS CONHECIDOS

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum